June 2, 2009

Veia


Ou o pessoal da Unviversidade de Maryland é muito fera, ou tem muita sorte ou algo surpreendente está acontecendo com as minhas veias. Esta semana tive que tirar sangue duas vezes (exames de rotina) e decidi usar o pessoal aqui da Universidade por pura conveniência, afinal pegar carro e ir pra Hopkins....ninguém merece!

Como sempre, já chego avisando aos "vampiros" de plantão "Minhas veias são finas, difíceis de encontrar e bailarinas!" Uns arregalam os olhos, outros suspiram e ainda há outros que sequer demonstram reação. Da última vez que fui a Hopkins não levei nem uma nem duas, mas CINCO picadas, sendo que a penúltima, o cara ficou me cutucando até perder a veia de vez. Sensação nada agradável.

Se fosse um tempo atrás já teria desmaiado, mas quando se é paciente profissional, estas coisas viram rotina. Pra mim não tem mais tempo quente quando se trata de exame ambulatorial. A coisa só complica mesmo quando tem que entrar na faca.

De qualquer forma, sem muita esperança, depois do meu aviso, a flebotomista (nome técnico para os vampiros de laboratório) pegou a tal borboleta (ou agulha de bebê) e de forma certeira perfurou a minha veia...de primeira! E o sangue começou a entrar bonitinho no frasquinho! (Sim, pois há vezes que ele não sai!) Alívio...meu e dela!

Claro que poderia ter sido sorte de principiante... Então dias depois, voltei lá e ela não estava, mas para minha surpresa me indicaram outra flebotomista tão boa quanto. Claro que continuei meus avisos, mas ela disse que tinha conseguido uma veia boa e pimba! Acertou em cheio e conseguiu tirar todos os potinhos necessários. Saí de lá maravilhada! Seria possível sair só com um furo no braço e sem nenhum hematoma?! Milagre!

Não sei a que ou a quem devo creditar a façanha, mas estou feliz, feliz! Pois é, tem gente que realmente precisa de muito pouco pra ser feliz. No meu caso, ultimamente, uma veia decente para ser puncionada tem sido motivo de muita alegria.

4 comments:

paula said...

Oi Dani,

Nossa, somos duas então!! As minhas s ão iguais as suas, é um horror mesmo!! Este ano estou beeem relaxada, acredita que ainda não fiz nenhum hemograma? Nem eu estou acreditando, para quem fazia todo mês...Mas aquela "vozinha" interior me chama, preciso ir fazer, acredita que uma vez conseguiram a façanha de pulsionar minha artéria no pulso? Eu quase grudei no teto do quarto de tanta dor!! Mas acabei rindo, porque quem quase desmaiou foi o Neto que estava do lado, as 03 enfermeiras me esqueceram por um momento, para segurá-lo!rsrsrsr

Bjs,
Paula

Silvia said...

Tem gente que não consegue pegar veia. Aqui perto tem um laboratório que a mulher pe uma açogueira, socorro! Eu tenho medo toda vez que eu caia com ela de novo, sorte que nunca mais. =)
Outro dia fazendo o exame de estômago, o sangue vazou para fora da minha mão e o resultado foi uma mão enorme, inchada e roxa durante 1 semana! Foi muito chatinho. E olha que eu tenho uma veia boa!!!
Beijocas!!!

Thaís said...

rs... Minha mãe tbém vive falando sobre o trauma de tirar sangue !!! E vc sabe que este mês que passou ela tbém teve a sorte e o rapaz q tirou o sangue acertou tbém de primeira !!! Como eu digo : "mãe acredita !!! "rs bjs e ótima semana para vc.

Luciana Misura said...

Dani, acho que ja comentei aqui que tenho o mesmo problema que voce, mas por acaso nos ultimos tempos voce tem bebido mais agua/feito exercicio (tem ido na ioga ne?)? Porque o que os melhores flebotomistas me falaram foi que quando a gente bebe pouca agua e muito pior pro sangue sair, e que exercicio fisico tambem faz diferenca em encontrar as veias. Sempre bebo um monte de agua em dia que tenho que tirar sangue e realmente tem sido bem melhor (ufa!), a parte dos exercicios ainda estou comecando a resolver.