October 22, 2008

Dia Especial



Hoje é dia 22 de outubro e de certa forma foi há exatamente seis anos que esta história toda começou. Foi há exatos seis anos que abriram a minha barriga pela primeira vez e cortaram 70% do meu fígado.

Naqueles dias não fazia idéia do que me esperava, da tempestada que se armava a minha frente. Melhor assim, pois nada poderia ter me preparado para o que viria. Mas veio e assim como veio se foi e eu continuo aqui.

Os próximos cinco dias são dias que procuro me parar para pensar um pouco e dar graças a Deus por tantas bênçãos. Se hoje, parar para pensar na vida é uma opção e às vezes tenho que me forçar para preservar este ritual, há seis anos, en não tinha escolha.

A família e os amigos devem se lembrar dos primeiros dias pós-cirurgia melhor que eu, que fiquei sedada por umas 24 horas. Das poucas coisas que consigo me lembrar, sempre me vêm a cabeça a sede e a dor insuportáveis que senti nas primeiras 72 ou 96 horas dentro do CTI. Depois as coisas foram melhorando, mas a sensação de isolamento de estar sozinha 22 horas por dia presa a um leito de hospital é simplesmente terrível.

Foram dias ruins, de dor, de solidão e de incerteza. Ao contrário do CTI do Quinta D'Or, o CTI do Copa D'Or não tem janela, então o paciente fica sem saber se é dia ou noite. No Quinta, os leitos são separados por cortinas e há camas dos dois lados da sala. No Copa, fiquei num box, completamente isolada. Os médicos e a família fizeram tudo para que a minha temporada lá fosse o menos desagradável possível. Eu era a doente preferida dos médicos - meu box tinha TV só pra mim, rádio, CD player, livros, etc. Então toda vez que os plantonistas tinham um tempinho, iam lá conversar comigo.

Mas aqueles dias custaram muito a passar e não tive outra opção a não ser ficar cara a cara comigo e sozinha enfrentar meus medos e pensamentos.

Hoje ainda tenho alguns desafios diante de mim e volta e meia levo um susto, mas nestas horas é bom parar para pensar e imaginar exatamente onde eu estava há meros seis anos e tudo adquire um significado diferente. Nos próximos cinco dias, meus pensamentos e planos vão também passar por uma unidade de tratamento intensivo. Nada como mudar a nossa perspectiva...

3 comments:

Fernanda - www.fernandafranca.com said...

Viva a vida, querida!

Luciana Misura said...

Parabens por estar aqui hoje com saude :-) Que venham muitos aniversarios!

Cristina said...

Parabéns para vc! Nesta data querida!!! E tá quase no seu niver de nascimento também né?