July 3, 2009

Noiva Neurótica




Ontem do nada resolvemos assistir o DVD do casamento. Desta vez escolhemos o DVD 2 da série de 4. O argumento do Blake é que a gente sempre assiste os outros: o 1 é o da cerimônia, o 3 é o da festa bombando, o 4 é o buquet e o final da festa... E o dois é o making of da Villa Riso, muitas imagens da decoração, da recepção ba biblioteca e do início da festa no salão principal.

Confesso que volta e meia me pergunto onde consegui gastar tanto dinheiro do meu pai no casório...Ontem tive a resposta! É engraçado ver as imagens mais de dois anos depois, quando a gente tem um distanciamento maior para enxergar certas coisas. Ficou claro ontem que a grana do meu pobre pai ois gasta nos detalhes! Claro que o casamento foi meu e foi tudo escolhido a dedo por mim, mas só ontem consegui perceber um monte de coisas bacanas.

Uma das minhas grandes frustrações do dia foi não ter visto pessoalmente um lounge maneiríssimo que a gente fez no jardim de trás da Villa Riso! Eu e o Denis (decorador), escolhemos tudo com o maior carinho, colocamos um ponto de bar lá fora para que as pessoas pudessem fumar ou conversar longe da pista, espalhamos mesas de cocktail e puffs, velas, almofadas...tudo muito fofo. Só que eu NÃO vi!!! Nem fui lá na hora da festa! Dá pra acreditar?

Ontem, reparei também nas cores que o Denis usou, respeitando muito o meu gosto -- lavanda e cor de rosa -- tudo nos mínimos detalhes. Notei cada caixinha de doce, de bem-casado, os menus nas mesas, as velas Provence, os mini-bouquets de hortênsias (minha flor favorita!), as toalhas, os guardanapos feitos para combinar com a cor, as mesas de vidro... Enfim, tudo muito a minha cara...pena que não tenha visto na hora. Em vez disso, fiquei desesperada quando vi que a noivinha no topo do bolo tinha cabelo escuro!

Notei também que fui noiva e cerimonialista ao mesmo tempo, chamando o pessoal para as fotos, checando item por item, organizando distribuição de brindes...Parecia guarda de trânsito! Não fui aquelas noivas princesas, de ar lânguido e semblante calmo. Acho que só conseguiria me portar assim se estivesse dopada. Então antes eu noiva-neurótica do que eu débil mental.

Mas deu uma saudade enorme... Saudade daquele dia. Saudade daquelas pessoas. Saudade daquela energia. Só espero que ela se renove e se perpetue por todos os dias do resto das nossas vidas.

Tenho dois casamentos muito bacanas para ir no Brasil, mas infelizmente não vou poder viajar de novo... Desde agora já estou chorando, pois já sei o que vou estar perdendo. Já fui a muitos casamentos e muitos lugares, mas os meus perferidos continuam sendo no Brasil.

2 comments:

paula said...

Dani,

Nossa parece eu falando do meu casamento, acredita que também me deu uma coisa e nãi ví muitos detalhes que todo mundo comentou depois? Incrível!! Eu sempre critiquei todo mundo que casava em Dezembro e adivinhe que mes eu casei? Dezeembro!!! rsrsrsr. Para mim este mês é muito desgastante a grafica fecha quinze dias, então, já viu, trabalho duias vezes mais, eu fui a perfeita neurótica no dia, e acredita era o dia do meu aniversario e eu nem lembrei?

Bjs

CMS Hevelyn said...

Menina, que casório chique o seu hein?
Me conte mais de você tá?
Beijocas!!
PS: Tô com os planos do casório também... mas o meu demora muuuuito ainda!