February 3, 2008

Mais Surpresas

Ontem fui dar uma olhada na caixinha do correio aqui do prédio. Como não moro mais aqui, meus pais normalmente abrem a caixinha de vez em quando só para pegar uma conta ou outra, mas como estou aqui este tempo, ontem resolvi olhar.

Achei um envelope cujo destinatário era "Dani Baron". Imediatamente vi que não podia ser de nenhum dos meus amigos aqui que por força do hábito só me chamam de "Dani Duran". O carimbo do correio não deixou dúvida: "Baltimore, MD" Abri o cartão lindo que dizia "Wishing you well again" e não reconheci a assinatura: "Bob Balassone". Quem seria esta pessoa tão gentil cujo nome eu sequer havia reconhecido.

E conversando com o Blake, lembrei-me que uma única vez encontrei alguns colegas de trabalho dele para um almoço. Bob era de um deles! Inacreditável que alguém que só tinha me visto uma vez se importava comigo o bastante para descobrir meu endereço aqui no Brasil e me mandar um cartão e "get well wishes." Quando eu digo que tem muita gente boa neste mundo....

É por estas e outras que continuo otimista. Enquanto houver gente bacana e solidária por aí, vou lutando para ficar aqui e fico feliz feliz.

E por falar em felicidade, hoje por acaso achei o laudo da biópsia da primeira cirurgia e confirmei a informação de que havia dois tumores em 2002: um pequeno, de cerca de 2 cm de diâmetro e outro imenso de 18 cm. O pequeno era mesmo adenoma (tumor benigno) e o maior era hepatocarcinoma (câncer). A boa notícia, que confirma o que o Dr. Joaquim vem dizendo, é que o tumor menor e portanto benigno foi retirado a 0,01 mm da linha de resecção, ou seja, muito próximo do corte, sendo assim é muito provável que alguma parte (minúscula) dele tenha ficado e crescido nestes últimos cinco anos e se transformado neste tumor de 7 cm que acabei de retirar.

Vou juntar estes laudo ao resto da documentação e mostrar aos médicos em Hopkins. Acho que se trata de uma informação importante...e que pode jogar muito a meu favor. Como diz a Claudia, vou manter os dedinhos cruzados mais do que nunca.

1 comment:

Cristina said...

Nós também ficaremos de dedos cruzados! Pensamento positivo, com este teu bom humor, o carinho de quem te ama e a família maravilhosa que Deus te deu, eles vão dizer que vc está certa no teu raciocínio!!!