June 16, 2008

Meu filho vai ter nome de santo...

Hoje passei o dia todo trabalhando e assistindo TV. Vários programas sobre o Tim Russert em várias emissoras de TV o tempo todo. Americano sabe como ninguém fazer homenagem àqueles que se vão e eu que nos últimos meses me transformei na pior manteiga derretida fiquei aqui me debulhando em lágrimas.

Sempre achei o Tim Russert o máximo, tanto como profissional tanto como ser humano. Nunca sequer o vi e não assisti o Meet the Press tanto quanto gostaria, mas por algum motivo, o Tim morava no meu coração.

O cara era muito família, acho que por isto gostava tanto dele. Hoje, seu filho único, Luke apareceu no Today Show para falar do pai. Fiquei impressionada com a desenvoltura dele no programa. Um jovem de 22 anos extremamente centrado e articulado, filho de dois grandes jornalistas.

Matt Lauer, apresentador do Today Show, despediu-se de Luke com a seguinte frase. "Luke você recebeu este nome em homenagem a São Lucas, o mesmo homem que escreveu A quem muito foi dado, muito. será exigido;."

Fiquei emocionada e me lembrei da letra de Pais e Filhos do Legião Urbana:
Meu filho vai ter
Nome de santo
Quero o nome
Mais bonito...

Penso exatamente como Tim Russert e Renato Russo.

2 comments:

Deborah Coy said...

Dani,

Eu tb vi a entrevista e fiquei impressionada tb com a desenvoltura do Luke e com a uniao da família. Tim Russert deixou um vazio na televisão, mas a morte repentina é amenizada ao vermos um jovem como Luke falar do pai com tanto carinho e lembranças maravilhosas.

Eu tenho pensado muito nessa música do Renato também...Eu estou grávida e desde que decidimos que o nome do baby será Lucas, eu me pego cantando essa letra...

Beijinhos, adoro o seu blog. Inclusive li o livro "The Last Lecture" que vc deixou sugestão aqui.

Dani said...

Que legal, Deborah!
Adoro os nomes Lucas e Luke. Achei o máximo o comentário do Matt Lauer. Aprendi aqui que os católicos americanos normalmente batizam os filhos com nomes de santo para que sirvam de inspiração na vida destes "novos seres" tão especiais. Bacana a idéia, né?
Beijos e obrigada pelo carinho!